segunda-feira, 29 de dezembro de 2008

- CULTO DO AMIGO - 28 DE DEZEMBRO-
INESQUECÍVEL

nesse domingo tivemos o nosso 2º culto do amigo, e o resultado foi maravilhoso. Cerca de 300 pessoas louvando e adorando a Deus com liberdade e alegria, num culto que fecha com chave de ouro tudo aquilo que Deus tem feito conosco!


A IGREJA, QUE COMPLETA 15 MESES DE INAUGURADA ESTAVA LOTADA



LOUVOR, JÚBILO E MUITA FELICIDADE.
MOTIVOS DE SOBRA PARA AGRADECER A DEUS



A PR. ALINE E SUA EQUIPE FOI REFORÇADA PELOS MÚSICOS DA EBENÉZER DE PALMEIRINA


O MINISTERIO DE ARTES DOS JOVENS APRESENTOU UMA PEÇA DE TEATRO DEIXOU A TODOS MARAVILHADOS. DEMAIS!


O PR JULIO TROUXE UMA PALAVRA ABENÇOADA...


COMO RESULTADO DE TUDO, VIDAS SE ENTREGARAM A JESUS, ATENDENDO UM APELO À MUDANÇA DE VIDA E COMPROMISSO COM DEUS


COM ESSAS DE ONTEM, JA SAO MAIS DE 30 DECISÕES EM POUCO MAIS DE UM MÊS. É DEUS FAZENDO ALGO NOVO EM NOSSO MINISTÉRIO


VEJA AQUI UM VIDEO COM UM DOS MOMENTOS DO LOUVOR NO CULTO DE ONTEM:


video


CONFIRA OS SLIDES DA MENSAGEM DO PR. JULIO CESAR:











segunda-feira, 22 de dezembro de 2008

pessoal, ficamos de postar aqui as fotos do acampamento geração livre radical que os jovens da ebenezer de garanhuns promoveram nesse final de semana, mas o evento foi tão radical que acabaram perdendo a máquina com as fotos... hehehe...

AINDA NAO ACHARAM A MAQUINA, MAS FUÇANDO O ORKUT DE ALGUNS ACHEI ALGUMAS IMAGENS DO EVENTO RADICAL:




reveja abaixo os slides do esboço da mensagem do pr. julio césar nesse domingo:









sábado, 20 de dezembro de 2008

sexta-feira, 19 de dezembro de 2008

A VERDADE SOBRE O NATAL


É CHEGADA A DATA DOS FESTEJOS NATALINOS E GOSTARIAMOS DE USAR ESSE ESPAÇO PARA DEIXAR CLARA A NOSSA POSIÇÃO SOBRE ESTA FESTA SUPOSTAMENTE “CRISTÔ

O Natal se introduziu na Igreja durante o século IV proveniente do paganismo.

Sendo que a celebração do Natal foi introduzida no mundo pela Igreja Católica e não tem outra autoridade senão ela mesma, vejamos o que diz a respeito a própria Enciclopédia Católica (edição de 1911):

"A festa do Natal não estava incluída entre as primeiras festividades da Igreja ... os primeiros indícios dela são provenientes do Egito ... os costumes pagãos relacionados ao inicio do ano se concentram na festa do Natal".


Jesus Cristo nem sequer nasceu na época do ano em que se comemora o Natal! Quando Ele nasceu "havia pastores no campo que velavam e guardavam seus rebanhos durante a vigília da noite" (Lucas 2:8). Isto jamais pode acontecer na Judéia no mês de dezembro. Os pastores tiravam seus rebanhos dos campos em meados de outubro e os guardavam para os proteger do inverno que se aproximava , tempo frio e de muitas chuvas.


A verdadeira origem do Natal está na babilônia. Está envolvida na apostasia organizada que tem mantido o mundo no engano há muitos séculos! No Egito sempre se creu que o filho de Ísis (nome egípcio da "rainha do céu" ) nasceu no dia 25 de dezembro. Os pagãos em todo o mundo conhecido celebram esta data antes do nascimento de Cristo.


A festa do Natal foi instituída oficialmente pelo bispo romano Libério no ano 354.


O dia 25 de dezembro era tido também como o do nascimento do misterioso deus iraniano Mitra, o Sol da Virtude. (©Encyclopaedia Britannica do Brasil Publicações Ltda)


Vejamos nas escrituras alguns detalhes que nos ajudarão situar cronologicamente o nascimento de Jesus: Comecemos por Zacarias, pai de João Batista. Ele era sacerdote e ministrava no templo durante o turno de Abias ( Lucas 1:5,8,9 )

Terminado o seu turno voltou para casa e, conforme a promessa que Deus lhe fez, sua esposa Isabel, que era estéril, concebeu João Batista (Lucas 1:23-24). Portanto João Batista foi gerado no fim do mês Tamuz ou início do mês Abe. Agora um dado muito importante: Jesus foi concebido seis meses depois (Lucas 1:24-38 ). Portanto Jesus foi concebido no fim de Tebete ou início de Sebate.

Visto estes detalhe nas Escrituras, chegamos a conclusão que João Batista foi gerado no fim de junho ou inicio de julho, quando Zacarias voltou para casa após seu serviço no templo. Jesus foi concebido seis meses depois, no fim de dezembro ou início de janeiro. Ele não nasceu em dezembro como diz a tradição, mas foi gerado neste mês.

Nove meses depois, no final do sétimo mês (Tisri/Etanin), setembro no nosso calendário, quando os judeus comemoravam a festa dos Tabernáculos, Deus veio habitar com Seu povo. Nasceu Jesus!

Deus tabernaculou com seu povo. Nasceu o Emanuel. Deus habitando conosco.